Voltar
Meios de transporte

Grupo CCR age no combate à pandemia

Empresa realiza uma série de ações de auxílio à comunidade e aos
caminhoneiros

05/05/2020 - 1 minuto, 46 segundos


CCR-combate-a-pandemia
Foto: Divulgação CCR.

Neste momento de pandemia, em que muita gente está enfrentando dificuldades financeiras, o Grupo CCRinvestiu R$ 5,7 milhões para amenizar os impactos provocados pela covid-19.

São iniciativas voltadas às comunidades próximas aos 3,8 mil km administrados pelo Grupo CCR e também ao atendimento dos caminhoneiros, categoria essencial para manter a normalidade de abastecimento do País durante a pandemia.

Para contribuir diretamente com o sistema de saúde, o grupo destinou R$ 100 mil ao Hospital Mater Dei, de Belo Horizonte (MG). Ao mesmo tempo, investiu na preparação de um local específico para doação de sangue no estabelecimento, de maneira a garantir todos os procedimentos adequados para evitar o contágio da covid-19 entre os doadores.

Em São Paulo, o programa Parceiros da Educação recebeu outros R$ 100 mil para apoiar adequações realizadas em escolas próximas a Paraisópolis para receber pessoas que precisam se manter em quarentena. O Grupo CCR assegurou também a compra de 200 mil máscaras de tecidos confeccionadas por projetos sociais. Além de gerar renda, os acessórios seguirão para comunidades e hospitais próximos às áreas de atuação das
empresas do grupo.

Nas estradas, o foco está no apoio aos caminhoneiros. O Grupo CCR elaborou um conjunto de ações que chamou de Plano de Apoio ao Caminhoneiro.

Balanço

A iniciativa já soma mais de 121 mil atendimentos com distribuição de kits de alimentação (já que boa parte dos estabelecimentos à beira da estrada está fechada) e de higiene pessoal, serviços de desinfecção da cabine dos veículos e de inspeção de equipamentos, eventual troca de lâmpadas, oferta de vouchers para banhos e pernoites, reforço nos atendimentos médicos em estações ao longo das rodovias e entrega de dispositivos de pagamento automático de pedágio.

O Grupo CCR vem tomando também uma série de ações com medidas internas que dão sustentação à linha de frente no contato com os usuários das rodovias. Mais de 6 mil funcionários receberam treinamento específico para atuar nesses atendimentos.

De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?
Quer uma navegação personalizada?
Cadastre-se aqui
0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login