Voltar
Mobilidade com segurança

Apps oferecem transporte gratuito a profissionais de saúde

Confira o que algumas empresas estão fazendo para ajudar a combater a pandemia

Daniela Saragiotto

30/03/2020 - 3 minutos, 2 segundos


diego-lira-ceo-da-turbi
Diego Lira, CEO da Turbi: “Quando pensamos que um profissional da saúde pode salvar nossos pais, parentes e amigos, devemos propiciar conforto e praticidade a essa classe profissional”. Foto: Divulgação.

Diversos aplicativos de mobilidade têm oferecido seus serviço gratuitamente para médicos, enfermeiros e farmacêuticos, como forma de colaborar com essa importante classe profissional no combate ao Covid-19. Uma delas é a Turbi, startup de aluguel de carros por aplicativo criada em 2017 e que está oferecendo, desde o dia 23 de março, vouchers gratuitos para que médicos, farmacêuticos e enfermeiros usem os veículos durante sua jornada diária de atendimento da população da cidade de São Paulo.

Leia mais:
Crescer em tempos de pandemia é o “novo normal”
Curitiba tem linha exclusiva para profissionais da Saúde
O medo que nos une

“Quando pensamos que um profissional da saúde pode salvar nossos pais, nossos entes queridos e amigos, o mínimo que podemos fazer é possibilitar um pouco de conforto e praticidade para essa classe profissional”, declara Diego Lira, CEO e Co-fundador da Turbi.

Ele conta que logo após iniciarem a ação, a Turbi recebeu diversos contatos de profissionais da saúde e, entre eles, um pedido: o envio de parte da frota da empresa para hospitais.

“Até o momento temos 70 carros em cinco hospitais e estamos dispostos a posicionar toda nossa frota em unidades de saúde. Em poucos dias de ação, mais de 200 profissionais já usaram nossos carros gratuitamente e os relato que recebemos são emocionantes”, conta Lira.

Como utilizar os carros da Turbi

  • Para usar os carros da Turbi gratuitamente, os médicos, enfermeiros e farmacêuticos devem enviar por e-mail (contato@turbi.com.br) uma identificação profissional (como os registros CRM, COREN ou CRF) que comprove seu trabalho na área da saúde;
  • A seguir, o profissional receberá um voucher individual com direito a 20 aluguéis até o dia 30 de abril;
  • A empresa informa que esse prazo pode ser postergado de acordo com a evolução do combate à doença.

Com frota de 650 veículos localizados em diversos pontos da cidade, a Turbi é um serviço de aluguel de carros feito exclusivamente por meio de aplicativo.

Outras empresas, mesma causa

Empresa destinou 60 mil vouchers para profissionais. Foto: Divulgação.

A 99 também anunciou, em 23 de março, que está destinando R$ 4 milhões em corridas pela plataforma para diversas cidades, começando por São Paulo, que recebeu 60 mil vouchers para a Secretaria Municipal da Saúde, para ajudar no deslocamento de profissionais da área.

As regras de uso dos vouchers estão sendo definidas pelas autoridades locais, mas observando a orientação da empresa de que as corridas não podem estar associadas a atividades que representem risco para a saúde e a segurança dos motoristas parceiros.

MoObie

Outra iniciativa, esta válida para todas as regiões do Brasil, está sendo feita pela moObie, maior plataforma de compartilhamento de carros da América Latina, que iniciou uma campanha junto aos proprietários de veículos que querem disponibilizar carros a profissionais de saúde.

Funciona assim: o voluntário cadastra seu carro na moObie e a plataforma conecta os veículos disponíveis aos profissionais da região que precisam de ajuda para o deslocamento. Ou seja: a utilização de um automóvel da mesma região onde o profissional de saúde estiver localizado será gratuita.

A ação contempla médicos, enfermeiros, biomédicos, técnicos em radiologia, fisioterapeutas, fonoaudiólogos e nutricionistas. Para poder usar o carro gratuitamente, é necessário preencher no aplicativo dados pessoais e de identificação profissional e, após confirmação do cadastro pela empresa, pode ser feita a busca por um automóvel.

Tamy Lin, CEO e fundadora da moObie: “Em apenas 30 minutos mais de 50 proprietários já estavam cadastrados, dispostos a fornecer carros para contribuir com essa corrente do bem.” Foto: Divulgação.

De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?
Quer uma navegação personalizada?
Cadastre-se aqui
0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login