Logo
Patrocínio
Resolver

Perguntas e respostas sobre calibragem correta dos pneus

Ajustar a pressão é uma tarefa simples e rápida, mas requer atenção do motorista a alguns pontos

3 minutos, 22 segundos de leitura

19/10/2021

calibragem correta dos pneus
Foto: Getty Images

Dá para fazer em menos de 5 minutos. Entretanto, é importante que o condutor esteja atento a alguns pontos – como temperatura e diferença de pressão – antes de calibrar os pneus e estepes

Fabio Magliano, gerente de produto Car & Motorsport da Pirelli para a América Latina, tira as principais dúvidas:

1. Quais cuidados tomar na hora de conferir a pressão? Existe um limite de quanto se pode rodar antes que os pneus esquentem? 

O executivo da Pirelli explica que não há como estipular uma distância, já que a temperatura dos pneus depende do modo de condução do motorista. “O ideal é evitar acelerações e freadas bruscas que provoquem atrito desnecessário dos pneus com o asfalto”, diz. 

Se dirigir de maneira tranquila, o motorista pode rodar até três quilômetros, aproximadamente, sem correr o risco de esquentar os pneus.

2. Por que não se pode checar a pressão com os pneus quentes?

Se o ar no interior dos pneus estiver quente, ele se expande e provoca uma leitura errada da pressão, indicando um valor maior do que o real. “Se não for possível calibrar com os pneus frios, o recomendável é considerar uma diferença de 10% a 15% na pressão para compensar o efeito do ar quente”, observa Magliano.

3. É recomendável calibrar os pneus com pressão maior antes de pegar estrada? 

Fabio Magliano afirma que é importante seguir sempre a recomendação da montadora. Se for viajar e o carro estiver com lotação máxima e bagagem, lembre-se de calibrar os pneus para essa condição. 

4. O estepe deve ser calibrado com pressão diferente dos outros pneus?

Também é importante checar o estepe, que deve ser calibrado com a pressão máxima dos pneus que estão rodando. Por exemplo, se a montadora indicar 32 libras para os pneus dianteiros e 30 para os traseiros, deixe o estepe com 32 libras, pois nunca se sabe qual pneu vai apresentar problema numa emergência. 

Como o pneu reserva geralmente fica na parte inferior do porta-malas, é sempre importante lembrar de calibrá-lo antes de acomodar a bagagem. 

5. O que pode acontecer se os pneus estiverem com pressão abaixo da recomendada? 

Pneus com pressão abaixo da recomendada provocam aumento do consumo de combustível, já que eles tendem a “dobrar” com mais facilidade, aumentando a resistência ao rolamento, explica Magliano. Além disso, o desgaste será irregular, pois o pneu vai ficar mais apoiado nas partes laterais, preservando mais a parte central da banda. 

Outro problema é que o pneu fica mais suscetível a avarias acidentais, uma vez que ele pode dobrar mais. Assim, caso passe por um buraco, por exemplo, a parte interna da banda de rodagem pode se chocar contra a roda, comprometendo a estrutura do pneu com o surgimento de bolhas.

6. E se a pressão dos pneus estiver acima do que é recomendado?

Com o pneu muito cheio, o desgaste também será irregular, mas de maneira diferente, com as laterais mais preservadas e a parte central da banda mais desgastada. 

Outro problema é que a área de contato do pneu com o solo é reduzida, e isso pode comprometer a estabilidade do carro, assim como o desempenho em frenagens e sobre piso molhado (aquaplanagem). 

“Sem esquecer, claro, do conforto, que acaba prejudicado porque os pneus absorvem menos os impactos causados por buracos e imperfeições do piso”, acrescenta o executivo da Pirelli.

7. Qual a forma mais recomendável de medir a profundidade dos sulcos dos pneus?

“Existe um equipamento chamado profundímetro, utilizado pelos profissionais da rede Pirelli, que mede corretamente o desgaste e a condição de uso do pneu”, explica Fabio Magliano. O indicador mais importante, contudo, é o TWI (Tread Wear Indicator, ou Indicador de Desgaste da Banda de Rodagem, em tradução livre), presente em todos os pneus, que mostra quando o item atingiu o limite de sua vida útil.

De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?
Quer uma navegação personalizada?
Cadastre-se aqui
0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login

Espaço do patrocinador

Com Você. Sempre.

Conheça mais de nossos produtos.

VER AGORA