Voltar
Inovação

Conectividade, dados e suas contribuições para a mobilidade

Veículos saindo de fábrica mais prontos para essa nova rotina tendem a incentivar a indústria da mobilidade

3 minutos, 14 segundos de leitura

16/06/2021

Foto: Getty Images

A locomoção em grandes centros urbanos é um desafio globalmente vivido pela sociedade, que se torna mais complexo a cada ano. Não importa se o objetivo é sair de casa para ir ao trabalho sem atrasos e inconveniências ou buscar momentos de lazer. Deslocar-se é um fator que exige avaliação prévia nos tempos atuais. Motoristas e passageiros dependem cada vez mais de soluções tecnológicas para chegar a seus destinos, e a tecnologia de compartilhamento de dados e a conectividade se tornaram grandes aliadas da população nessas viagens diárias.

Somente no Brasil, mais de 13 milhões de pessoas dependem de serviços como Waze e Google Maps para dirigir pela cidade, fugindo de congestionamentos, segundo dados de downloads dos aplicativos de trânsito disponíveis nas lojas de aplicativos Apple Store e Google Play.

Esse tipo de inovação é essencial, não somente para motoristas mas também para a economia, pois, segundo especialistas em mobilidade, os engarrafamentos podem gerar, só no Brasil, mais de R$ 250 bilhões em prejuízos anuais. Entram nessa conta aumento do consumo de combustível, custo do transporte de carga, danos causados pela poluição e, claro, todas as horas de trabalho desperdiçadas.

Melhor experiência ao volante

A ampla discussão nos últimos anos, focada prioritariamente em alguns eixos de mobilidade, como o uso de aplicativos, abre espaço a novos olhares e soluções. Relatório recente da ReportLinker afirma que, nas tendências de mercado analisadas entre 2020 e 2026, o segmento de soluções relacionadas a gerenciamento de tráfego deve ter a maior parcela de receita, por causa de seu alto potencial de aplicação no mundo todo.

Para que essa oferta crescente de serviços seja útil e toda a rede conheça os obstáculos nas estradas e o tempo de trajeto, por exemplo, é preciso que outras pessoas interajam. Com sistema inteligente e informações em tempo real, até os motoristas mais experientes têm a oportunidade de usufruir de uma experiência mais assertiva, prevenindo-se das constantes variações no trânsito.

Além de auxiliar na redução de prejuízos financeiros, as tecnologias relacionadas à conectividade podem ajudar nas decisões dos órgãos de gerenciamento de trânsito, oferecendo informações úteis como o horário de maior movimento em cada região ou via, ampliando a eficiência de planos de mobilidade e reorganização nas cidades.

Automóveis saindo de fábrica mais prontos para essa nova rotina tendem a incentivar a indústria da mobilidade a incrementar aplicações, aprimorando a experiência do motorista e das cidades inteligentes. Em São Paulo, o novo aplicativo Estapar Nova Zona Azul – SP permite ao motorista visualizar, em tempo real, o mapa de ocupação das vagas de estacionamento rotativo na cidade, criando a possibilidade de uma organização prévia de sua experiência ao ter que parar seu carro nas ruas, melhorando, assim, o trânsito e reduzindo a emissão de poluentes.

Alertas sobre acidentes

Outros serviços também são beneficiados, como alguns centros de emergência nos Estados Unidos que utilizam alertas para receber informações sobre acidentes antes de chamadas telefônicas. Na Inglaterra, desde o ano passado, usuários de transporte público podem tomar a decisão de entrar ou não em um ônibus, consultando o aplicativo First York. Nele, é possível saber se há assentos disponíveis e como estão as condições de distanciamento social no veículo.

Não é de hoje que conectividade e compartilhamento estão mudando a sociedade e a vida dos motoristas. Esses recursos de inteligência de dados possuem um grande potencial e são essenciais para o futuro urbano e, certamente, ainda veremos muitas movimentações no mercado global com soluções relacionadas à organização de cidades e à tecnologia.

Esse texto não reflete, necessariamente, a opinião do Estadão

De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?
Quer uma navegação personalizada?
Cadastre-se aqui
0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login