Voltar
Meios de transporte

GM revela “Factory Zero”, fábrica de Detroit que só produzirá elétricos

Planta reestruturada será 100% sustentável, terá uma nova plataforma para elétricos e produzirá o novo GMC Hummer

Emily Nery

08/11/2020 - 2 minutos, 6 segundos


GM APRESENTA
GM APRESENTA "FACTORY ZERO", FÁBRICA VOLTADA PARA PRODUÇÃO DE ELÉTRICOS Crédito: GM/Divulgação

Leia mais:
Coleta de lixo a vácuo pode fomentar cidades sustentáveis
O futuro da mobilidade
A retomada do turismo será pelas estradas

Se até pouco tempo a fábrica de Hamtramck, localizada na cidade de Detroit (EUA), estava fadada ao fechamento, a General Motors virou o jogo e decidiu dar uma “segunda vida” ao local. Na última sexta-feira (16), a empresa anunciou que a Factory Zero, novo nome da planta, irá construir veículos elétricos.

Alguns dos próximos elétricos já anunciados pela montadora serão produzidos na reestruturada fábrica. É o caso da picape GMC Hummer elétrica, que começará a ser produzida em 2021. E do monovolume autônomo Cruise Origin, desenvolvido em parceria com a Honda.

Ambos os veículos serão montados na plataforma Ultium, peça chave para a nova fase da GM. A plataforma será flexível o bastante para construir modelos de carrocerias distintas, como carros, picapes e caminhonetes.

Para tamanha mudança, a fábrica recebeu um investimento de US$ 2,2 bilhões, ou R$ 12,4 bilhões, na conversão direta. A GM confirma que foi o maior investimento feito pela marca em uma só planta. O alto custo se justifica em novas tecnologias empregadas, bem como melhorias e novos equipamentos especializados na construção de veículos de zero emissão. Ademais, a fabricante contratará cerca de 2.200 novos empregados.

OFERTAS 0KM

Para estar de acordo com a proposta sustentável, a GM afirma que precisou reconstruir o local a fim diminuir seu impacto ambiental. A “Fábrica Zero” fará reuso da água da chuva em sistemas de extintores de incêndio e em torres de resfriamento. Durante as obras, os restos de concretos foram reutilizados para construir estradas provisórias. A promessa é que ate´2023, as instalações com uma garagem solar de 30 quilowatts e painel solar fotovoltaico de montagem no solo de 516 quilowatts estejam prontas.

Até 2030, a montadora promete fabricar seus veículos com 100% de energia renovável e até 2040 tornar todas as suas instalações globais sustentáveis. De acordo com Dane Parker, diretor de sustentabilidade da GM, “Esta fábrica será o epítome da visão da GM ao fabricar de forma sustentável veículos elétricos e autônomos compartilhados que podem ajudar a reduzir acidentes, emissões e congestionamento”.

Crise na GM

Em novembro de 2019, a GM anunciou seus planos para fechar quatro fábricas localizada nos EUA. A planta de Hamtramck, situada na cidade de Detroit, berço da indústria automobilística norte-americana, estava inclusa no plano. Entretanto, após uma série de greve sindicais, a empresa decidiu por reviver a planta de Detroit.

De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?
Quer uma navegação personalizada?
Cadastre-se aqui
0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login