Seattle e Paris são classificadas como as cidades mais inteligentes dos EUA e da Europa | Mobilidade Estadão |

Buscando sugestões para:


Publicidade

Seattle e Paris são classificadas como as cidades mais inteligentes dos EUA e da Europa

Por: Redação Mobilidade . Há 14 dias
Inovação

Seattle e Paris são classificadas como as cidades mais inteligentes dos EUA e da Europa

Avaliação seguiu critérios da OCDE em três categorias principais: conectividade e infraestrutura, sustentabilidade e mercado de trabalho tecnológico

3 minutos, 3 segundos de leitura

16/05/2024

Por: Redação Mobilidade

Seattle entre as cidades mais inteligentes
Foto: Adobe Stock

Seattle e Paris se classificaram como as cidades mais inteligentes dos Estados Unidos e da Europa, respectivamente. A pesquisa utilizou os critérios da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) para avaliar as cidades inteligentes. Os parâmetros estão organizados em três grandes categorias: conectividade e infraestrutura, sustentabilidade e mercado de trabalho tecnológico.

Leia também: Brasil aparece em últimas colocações no ranking de cidades inteligentes

De acordo com a avaliação da empresa de tecnologia imobiliária ProptechOS, a capital francesa, Paris, alcançou a posição mais elevada da Europa e entre todas as avaliadas. A cidade recebeu uma pontuação de 76,4, ultrapassando a vencedora do ano passado, Londres. A capital da Inglaterra marcou, este ano, 73,1.

O índice também reconhece as cidades mais bem preparadas para um futuro de cidade inteligente, não só pela tecnologia, mas pela habilidade em absorver as mudanças que o futuro poderá trazer. Ao todo, o estudo abrangeu 68 cidades, divididas entre as 48 maiores em população nos EUA e 23 capitais em toda a Europa, com dados comparáveis.

Nos EUA, Seattle conseguiu uma pontuação geral de 75,7 em 100. Por causa dessa marca, a cidade ultrapassou Austin, vencedora do ano passado no país norte-americano. “Cada métrica foi padronizada e pontuada em uma escala de 0 a 100 para garantir a comparabilidade entre diferentes pontos de dados”, explica a empresa responsável pelo estudo. A análise foi realizada em abril de 2024.

Principais destaques

Conforme a pesquisa, Seattle se destaca por sua robusta infraestrutura tecnológica. Atualmente, a cidade tem 34 empresas de inteligência artificial (IA) e 13 empresas de Internet das Coisas (IoT) por 100.000 residentes. A região também é sede de gigantes da tecnologia como Amazon e Microsoft.

Paris, por outro lado, se destaca por pontuar bem em vários parâmetros. Além de possuir 99,9% de cobertura 5G da população pelo provedor de rede médio, a cidade também possui o segundo maior número de empresas especializadas em IA da Europa (532) e o terceiro maior número (10.663) de provedores de Wi-Fi gratuito.

A cidade europeia mais inteligente também ocupa a posição mais elevada na categoria de infraestruturas e conectividade, com uma pontuação de 91,8 em 100. Conforme o documento, Paris tem muitos recursos de infraestrutura inteligente, como uma das maiores velocidades média de download para sua banda larga fixa, de 173,06 Mbps.

Cidades mais inteligentes

O ranking também deu destaque para outras cidades entre a Europa e os EUA. Na classificação geral, Miami ficou em terceiro lugar, logo após Paris. Mas, em comparação com outros municípios estadunidenses, a cidade da Flórida ficou em segundo lugar.

Austin, a terceira colocada no ranking de cidades mais inteligentes nos EUA, recebeu reconhecimento pela melhor infraestrutura do país. “A cidade texana ocupa o primeiro lugar em infraestrutura graças a fatores como sua alta velocidade média de download de banda larga de 275,60 Mbps, superando a média dos EUA de 217,14 Mbps”, explicam no documento.

Do outro lado do oceano, a cidade de Amsterdã, recebeu a melhor colocação entre as cidades inteligentes da Europa em termos de fatores de sustentabilidade. Já conhecida pelas bicicletas, a cidade também ganhou pontos por ter como meta atingir zero emissões de CO2 até 2050.

A cidade também tem mais edifícios com certificação verde do que qualquer outra cidade avaliada. Ao todo, Amsterdã possui 553 prédios deste tipo. Além disso, conta com o maior número de estações de recarga de veículos elétricos em relação ao tamanho da sua população (67 por 100.000 pessoas).

De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?

Quer uma navegação personalizada?

Cadastre-se aqui

0 Comentários


Faça o login