Buscando sugestões para:


Meios de transporte

Dia Mundial da Bicicleta: curiosidades sobre o uso da bike no Brasil e no mundo

Apesar de 28% dos brasileiros pedalarem pelo menos uma vez por semana, 42% não sabem andar de bike

2 minutos, 18 segundos de leitura

03/06/2022

Por: Redação Mobilidade

No mundo, a média geral de pessoas que sabem andar de bike é de 63%. Foto: Getty Images

Nesta sexta-feira, 3 de junho, comemora-se o Dia Mundial da Bicicleta. E para celebrar esta data, separamos alguns dados sobre este modal.

Para começar, você sabia que 28% dos brasileiros andam de bike pelo menos uma vez por semana? De acordo com a pesquisa “Ciclismo ao Redor do Mundo”, realizada pela Ipsos, o número é maior que nos Estados Unidos (25%).

Por outro lado, mais de quatro em cada dez brasileiros não sabem andar de bicicleta. O número representa 42% das pessoas.

O local com menos gente sabendo andar de bike é a Arábia Saudita. No país, somente 36% das pessoas têm essa habilidade.

No mundo, a média geral de pessoas que sabem andar de bike é de 63%. Estamos abaixo dessa média, com 58%. O país com mais gente pedalando é a Polônia, com 83%;

Exercícios físicos

Por sua vez, o uso da bike para exercícios físicos coloca o Brasil em último lugar do ranking. Apenas 17% dos brasileiros pedalam para se exercitar, enquanto a média geral no mundo de pessoas que usam a bike para exercícios é de 28%. A Polônia lidera o ranking com 61%.

Segundo a mesma pesquisa, para distâncias curtas, de até 2 km, somente 10% dos brasileiros usam a bike. 29% das pessoas no Brasil preferem ir a pé, 20% usam carro próprio e 14% preferem transporte público.

Para o estudo, foram entrevistadas 20.057 pessoas on-line, sendo aproximadamente 1.000 no Brasil, com idades entre 16 e 74 anos. No Brasil, a margem de erro é de 3,5 pontos percentuais.

Além do Brasil, integram a pesquisa: África do Sul, Alemanha, Arábia Saudita, Argentina, Austrália, Bélgica, Canadá, Chile, China, Colômbia, Coreia do Sul, Espanha, Estados Unidos, França, Grã-Bretanha, Holanda, Hungria, Índia, Itália, Japão, Malásia, México, Peru, Polônia, Romênia, Rússia, Singapura, Suécia e Turquia.

Bikes em números

Embora a maioria das pessoas no Brasil não ande de bicicleta todos os dias, a bike movimenta milhões no país. A indústria nacional é a quarta produtora de bicicletas no mundo. Ao todo, são 4 milhões de bicicletas produzidas por ano. De acordo com a Aliança Bike, os modelos mais buscados são as bikes de entrada, que variam de R$ 800 e R$ 2 mil.

O Brasil tem 8.936 estabelecimentos de comércio varejista de bicicletas. Além disso, 39% das cidades brasileiras têm ao menos uma loja de bike. Dentre estes locais, 42% das lojas de bicicletas estão na região Sudeste; 25% no Nordeste; 16% no Sul; 10% no Centro-Oeste; e 7% no Norte.

Ainda segundo a Aliança Bike, São Paulo é a cidade com o maior número de comércio varejista de bicicletas, somando 312 locais. Em seguida, estão Brasília e Rio de Janeiro (130 cada), Fortaleza (102) e Curitiba (97).

De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?
Quer uma navegação personalizada?
Cadastre-se aqui
0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login