Voltar
Meios de transporte

Os melhores locais para pedalar em São Paulo e no Rio de Janeiro

Em ciclovias, ciclofaixas, parques e ruas de lazer há opções para todos os pedais

Lucia Camargo Nunes

25/11/2019 - 3 minutos, 27 segundos


Ciclovia em São Paulo com ciclista pedalando equipado por capacete
Ciclovia Eliseu de Almeida, no Butantã, em São Paulo. Foto: USP Imagens

Atualmente, São Paulo conta com 503,6 km de infraestrutura cicloviária – 473,3 km de ciclovias (pista de uso exclusivo de bicicletas e outros ciclos, com segregação física do tráfego comum)  e ciclofaixas (parte da pista de rolamento, calçada ou canteiro destinada à circulação exclusiva de ciclos). 

Leia mais:
Nova marca de bikes compartilhadas chega a São Paulo
Ligação direta na Avenida Paulista
Ciclistas reclamam de ciclofaixas apagadas e sem sinalização em São Paulo

Outros 30,3 km são de ciclorrotas (via com velocidade máxima reduzida, características de volume de tráfego baixo e com sinalização específica). 

As ciclofaixas de lazer, instaladas há dez anos próximas a parques aos domingos e feriados em São Paulo, estão temporariamente suspensas desde agosto, quando a empresa que patrocinava os 117 km de ciclofaixas encerrou a parceria.

Em outubro a prefeitura anunciou que elas seriam retomadas em novembro, de forma emergencial, mas houve questionamentos ao processo de chamamento público e o serviço está sob análise. 

Quem preferir pode pedalar também em vias fechadas para o trânsito ou parques aos fins de semana. Entre as opções, a avenida Paulista é repleta de atividades aos domingos, com bastante espaço para pedalar, das 10h às 18h, e avenida Sumaré, das 7h às 14h. 

Outro local procurado por ciclistas é o Elevado João Goulart, o Minhocão, que tem pista de 900 metros e fica fechado para carros durante o sábado e o domingo.  As avenidas do campus da Cidade Universitária (USP) também são ótimas para pedalar, com pistas planas, subidas e descidas, e podem ser acessadas aos sábados, das 5h às 14h. 

Entre os parques, os que possuem melhores estrutura para pedalar são o Villa Lobos, Ibirapuera, das Bicicletas, do Carmo e o Ecológico do Tietê.

Neste mês de novembro, a prefeitura reforma ciclofaixas na zona norte da capital e na região central. 

O mapa completo de ciclovias e ciclofaixas de São Paulo estão aqui.

Ciclovias no Rio de Janeiro

A malha cicloviária do Rio de Janeiro possui cerca de 450 quilômetros. Não há ciclofaixas nos moldes das que existem em São Paulo. Só na Zona Oeste são 250 km. Na Zona Sul mais 130 km, além de 50 km na Zona Norte e mais 9 km no Centro.

De acordo com a Secretaria de Conservação da cidade do Rio de Janeiro, há planos de ampliar a malha cicloviária “mas não foram disponibilizados recursos orçamentários para a implantação de projetos”, informou a Comunicação da pasta por meio de nota. 

Na Zona Sul, a ciclovia Mané Garrincha, vai do Leme ao Centro, passando por Copacabana seguindo até Botafogo. Após contornar a enseada, ela continua pelo Flamengo, pelo aterro e Parque do Flamengo. 

De Copacabana a Ipanema tem a ciclovia João Saldanha. A da Lagoa Rodrigo de Freitas é uma das mais famosas, contorna a Lagoa e vai em direção às Avenidas Epitácio Pessoa e Borges de Medeiros. 

A ciclovia Tricolor liga a Praia de Botafogo e vai até as Laranjeiras, onde fica a sede social do Fluminense. A ciclovia da Praia de São Conrado percorre o calçadão da praiaaté a avenida  Prefeito Mendes de Morais.

Na Zona Oeste, a ciclovia vai pela orla da Barra da Tijuca. Outra opção é a da Orla do Recreio dos Bandeirantes, passando pelo Pontal e indo até a Praia da Macumba. A Eco-Orla se estende da Barra da Tijuca e o Recreio dos Bandeirantes até um trecho da reserva ecológica da Lagoa de Marapendi.

Na Zona Norte os ciclistas podem passear pelas ciclovias da Floresta da Tijuca, que sobem o Alto da Boa Vista e compartilhadas com pedestres e corredores demarcadas por faixas amarelas. O caminho vai pela Estrada da Cascatinha, Estrada do Imperador, Estrada D. Pedro Augusto, Estrada Major Archer, Estrada Barão de Escragnolle e Estrada Visconde do Bom Retiro.

A Ciclovia do Maracanã percorre o entorno do Complexo Esportivo, passando pela Rua Professor Eurico Rabelo, Presidente Castelo Branco e Mata Machado. 

Você encontra todos os roteiros para pedalar no Rio de Janeiro aqui.

De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?
Quer uma navegação personalizada?
Cadastre-se aqui
0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login