Meios de transporte

Royal Enfield montará suas motos no Brasil

Ao completar cinco anos no País, marca de origem britânica se prepara para expandir a operação

2 minutos, 11 segundos de leitura

11/05/2022

Por: Arthur Caldeira

Marca já tem 20 concessionárias no Brasil e pretende abrir mais cinco revendedores até 2023. Foto: Divulgação/Royal Enfield SP

Embora tenha começado a produzir motocicletas em 1901, a Royal Enfield chegou ao Brasil, oficialmente, apenas em 2017. A marca, de origem britânica, que pertence ao grupo indiano Eicher Motors, era, até então, pouco conhecida no País. Mas completa cinco anos de atuação no mercado brasileiro com motivos para comemorar.

De uma marca desconhecida, a Royal já ocupa o sexto lugar no ranking de vendas de motocicletas, em 2022. Segundo dados de emplacamento compilados pela Fenabrave, federação que reúne os distribuidores de veículos do Brasil, foram emplacadas 2.536 motos da marca indiana, entre janeiro e abril deste ano. “Somos, atualmente, o País em que mais se vende motocicletas Royal Enfield fora da Índia”, comemora Claudio Giusti, country manager da marca no Brasil.

Focada em motocicletas de média cilindrada, entre 300 cc e 750 cc, a Royal Enfield conta, atualmente, com um portfólio de quatro modelos no mercado nacional. Entre eles, destaque para a Meteor 350, modelo lançado em meados do ano passado que lidera a categoria de motos custom com 1.136 unidades vendidas nos quatro primeiros meses deste ano.

“A Meteor 350 representa uma nova fase da internacionalização da marca Royal Enfield. O modelo traz um nível de acabamento superior e ocupa um nicho importante no mercado brasileiro, pois é a única custom de média cilindrada disponível no País”, explica Giusti.

OFERTAS 0KM

Novidades a caminho

Com objetivo de aumentar sua participação e reforçar seu compromisso com o mercado brasileiro, a Royal Enfield se prepara para iniciar a montagem local de suas motos. Para aproveitar os benefícios fiscais e manter o preço das motocicletas em um patamar competitivo, a Royal Enfield, a exemplo de outras fabricantes de motos, terá uma linha de montagem no Polo Industrial de Manaus (AM).

“Por questões contratuais, ainda não posso revelar detalhes nem precisar a data, mas é fato que, em breve, as motos Royal Enfield serão montadas em Manaus”, afirma o country manager da marca indiana. Ainda segundo Claudio Giusti, a operação de montagem dos modelos CKD (completely knocked-down), no Brasil, irá contribuir para ajustar a lucratividade da subsidiária brasileira e, também, deverá acelerar a chegada de novos modelos ao País.

A primeira delas deve ser a Classic 350, que usa a mesma base mecânica da bem-sucedida Meteor, mas com um estilo mais clássico – uma característica da marca indiana. Também estão nos planos da Royal Enfield a abertura de mais cinco concessionárias, no Brasil, no ano fiscal, que vai até março de 2023 – atualmente, existem 20 revendedores da marca indiana em 14 Estados brasileiros. 

De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?
Quer uma navegação personalizada?
Cadastre-se aqui
0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login