Voltar
Mobilidade para quê?

Carros conceito revelam tendências dos veículos elétricos

Montadoras criam show cars com propulsão elétrica para estudar soluções inovadoras, que, futuramente, poderão ser transmitidas aos automóveis de rua

8 minutos, 18 segundos de leitura

13/06/2021

Por: Mário Sérgio Venditti

veículos elétricos
Foto: Divulgação Lexus

Show cars são carros conceito com design bem rebuscado e futurista que, geralmente, são colocados nos estandes das montadoras nos salões dos automóveis para chamar atenção do público. Mas atrair o interesse das pessoas não é a única tarefa desses veículos, que ainda não existem de verdade. Eles também são cobaias para expressar como as fabricantes vislumbram tendências que poderão ser adotadas daqui a alguns anos. É claro que algumas ideias não saem do papel; porém, quase sempre as marcas tiram proveito de algumas soluções técnicas, estéticas e tecnológicas apresentadas nos conceitos, quer sejam SUVs, quer sejam picapes, sedãs ou hatchs.

Nos últimos anos, os show cars incorporaram também o sistema de motorização elétrico. Os departamentos de engenharia e design das empresas buscam as melhores combinações de forma e conteúdo, ou seja, de propulsão elétrica e uma carroceria mais apropriada para acomodar os módulos das baterias. Esses estudos são realizados nos carros conceitos que, no curto e médio prazos, podem se tornar realidade. Hoje, quase todas as fabricantes criam veículos elétricos experimentais para avaliar possibilidades e descobertas.

São veículos valentes para enfrentar percursos off-road, compactos que transformam o habitáculo em sala de estar, carros que podem ser “construídos” pelo usuário, esportivos com desempenho parecido ao de motor a combustão e até modelos divertidos que enviam saudações aos pedestres. Confira, a seguir, dez exemplos de show cars elétricos que, um dia, você poderá ver rodando nas ruas.

Audi AI: Trail Quattro

O Audi AI: Trail Quattro é um estudo da montadora alemã para os veículos off-road. Ele roda com quatro motores elétricos que, trabalhando juntos, geram 320 kW de potência, o equivalente a 435 cv. Como tem um motor para cada roda, o AI: Trail dispensa diferenciais que aumentam o peso do carro e consomem mais energia. Feito de uma mistura de aço, alumínio e fibra de carbono, o veículo pesa 1.750 quilos. Segundo a Audi, o AI: Trail chega a 130 km/h de velocidade máxima e sua autonomia fica entre 400 e 500 quilômetros na estrada. Em condições de uma trilha fora de estrada, porém, o número cai para 250 quilômetros. Ele mede 4,15 metros de comprimento, 2,15 de largura e 1,67 de altura, além de ter enormes rodas de 22 polegadas e pneus largos de 850 mm, preparados para encarar a terra. 

veículos elétricos
Foto: Divulgação Audi

BMW iX

O BMW iX é uma nova interpretação de design, sustentabilidade, versatilidade e luxo da marca alemã, que planeja colocá-lo em produção no segundo semestre. O SUV contém as mais recentes inovações nas áreas de eletrificação, direção autônoma e conectividade. O motor de 408 cv de potência trabalha com a bateria de 95 kWh e entrega autonomia de 600 quilômetros. A aceleração de 0 a 100 km/h pode ser completada em cinco segundos. O BMW iX tem carroceria leve, composta por materiais naturais e reciclados. Os módulos da bateria são projetados como parte de um ciclo de recursos de longo prazo, permitindo alto nível de reaproveitamento. Os elementos empregados para o desenvolvimento das células da bateria e a bateria de alta tensão vêm exclusivamente de fontes renováveis.

veículos elétricos
Foto: Divulgação BMW

Citroën Ami 

O Ami é um representante da Citroën para os desafios da mobilidade urbana. Dotado de motor 100% elétrico, ele se adaptou aos novos padrões de consumo para ficar ainda mais próximo dos clientes da marca francesa. Com autonomia de 75 quilômetros e velocidade máxima de 45 km/h, o Ami é adequado para viagens curtas pela cidade. A bateria de íon de lítio de 5,5 kWh é carregada em apenas três horas por um cabo embutido no veículo e conectado a um soquete de 220 V. A operação é tão simples quanto carregar um smartphone. O Ami é um veículo ultracompacto, que mede 2,41 metros de comprimento, 1,39 de largura e 1,52 de altura. As rodas de 14 polegadas foram especialmente posicionadas nas extremidades, aumentando a capacidade de manobra.

modelo Citroen
Foto: Divulgação Citroën

Fiat Concept Centoventi

Não é à toa que o Fiat Concept Centoventi já foi comparado a peças de Lego. Afinal, ele pode ser construído conforme o desejo do cliente. Exceto cinco elementos que são instalados somente pela fabricante (para-choque, teto em policarbonato, quadro de instrumentos, baterias e tampa traseira digital), outros 114 itens são desenhados pela Mopar – divisão de acessórios da Fiat. O Centoventi traz conjunto de baterias modulares que oferece grande flexibilidade de uso. Como padrão, sai de fábrica com uma bateria para rodar 100 quilômetros. Se precisar de mais autonomia, o motorista tem a opção de comprar ou alugar até três baterias extras, localizadas debaixo do assoalho. Ideal para uso individual, o Centoventi também é indicado para frotas comerciais, graças à facilidade de consertos e manutenção.

Carro moderno Fiat
Foto: Divulgação Fiat

Honda Urban EV Concept 

O Honda Urban EV Concept é um compacto apropriado para as grandes cidades. A dianteira e a traseira são equipadas com telas que mostram mensagens e saudações aos pedestres. O interior, semelhante a uma sala de estar, é moderno e confortável e dispõe do sistema “Honda Automated Network Assistant”, que assimila as preferências do motorista. Por meio de um display, o Urban EV Concept fornece ao usuário sugestões importantes, realizando uma comunicação natural envolvendo condutor e veículo. Isso mostra a visão da fabricante sobre a nova relação entre pessoas e automóveis. “Um carro que está mais perto das pessoas e da vida”, define a marca. O Honda Urban EV Concept inspirou o modelo Honda-e, que se destaca pela proposta de veículos elétricos urbanos, com design exclusivo e recursos de conectividade.

show car Honda veículos elétricos
Foto: Divulgação Honda

Lexus LF-30 Electrified

A primeira geração de veículos elétricos está nas ruas, mas a Lexus – divisão de automóveis de luxo da Toyota – já pensa na segunda onda. O Lexus LF-30 Electrified exprime a visão da marca para seus futuros veículos com propulsão elétrica. Revelado no Salão de Tóquio em 2019, o conceito apresenta um exterior futurista e design que preserva, por exemplo, a grade dianteira, que é uma assinatura dos modelos atuais da Lexus. O interior inovador aproveita as tecnologias de direção autônoma. Equipado com quatro motores elétricos, um para cada roda, o LF-30 Electrified oferece uma experiência dinâmica surpreendente. Segundo a montadora, o esportivo tem 500 quilômetros de autonomia e acelera de 0 a 100 km/h em 3,8 segundos.

carro conceito Lexus
Foto: Divulgação Lexus

Mini Vision Urbanaut

O Mini Vision Urbanaut é uma nova interpretação da distribuição do espaço interno. Os designers criaram a experiência interior de conforto, usando plantas baixas, peças de mobiliário e maquetes de madeira para fornecer uma indicação de tamanho. Em seguida, eles se valeram da realidade virtual aumentada, a fim de criar um modelo digital. Com 4,46 metros de comprimento, o Mini Vision Urbanaut tem habitáculo que pode ser usado de maneiras diferentes, chamadas de Chill, Wanderlust e Vibe. No modo Chill, o carro se torna uma espécie de retiro, onde os passageiros podem relaxar ou trabalhar. O Wanderlust é o único momento em que o Vision Urbanaut está sendo dirigido e, no Vibe, o carro se transforma em ambiente para reunião de amigos.

novidade Mini veículos elétricos
Foto: Divulgação Mini

Nissan IMk

O carro conceito Nissan IMk reúne design elegante, tecnologias de ponta e boa aceleração da motorização elétrica em uma carroceria compacta. O modelo dá pistas sobre a linguagem estilística dos futuros veículos elétricos da Nissan. Para atender às exigências dos clientes em termos de conectividade e condução ágil, a Nissan desenvolveu um monovolume urbano funcional, construído sobre a nova plataforma de carros elétricos da montadora japonesa. Equipado com o pacote ProPilot, tecnologias avançadas de assistência à condução e recursos que permitem conectividade ininterrupta, o IMk demonstra como deverão ser o visual e as sensações proporcionadas pelos carros com foco em um uso dentro das cidades.

carro conceito Nissan
Foto: Divulgação Nissan

Renault 5

Com o Renault 5, a marca quer democratizar os veículos elétricos na Europa. Trata-se de um compacto urbano e descolado e impulsionado com motor 100% elétrico. Para criá-lo, o time de design se inspirou no modelo cult da Renault, o R5. O design do Renault 5 se baseia no R5 e personifica a modernidade de forma simples, aliando o tripé urbano, elétrico e atraente. O R5 recebeu superfícies planas com detalhes modernos, como iluminação e parte frontal. O projeto esconde, sutilmente, a entrada de ar no capô, que, por sua vez, acomoda a porta de recarga. Há também uma homenagem ao R5 original na grade lateral e nas rodas. Já a bandeira francesa nos retrovisores destaca o lado nacionalista do veículo.

carro conceito Renault veículo elétrico
Foto: Divulgação Renault

Toyota LQ

O Toyota LQ é a atualização do Concept-i, de 2017, e, com ele, a montadora antecipa as tecnologias da marca para seus veículos elétricos. Uma delas é a inteligência artificial Yui, que se comunica com os quatro ocupantes do veículo. Para isso, ele muda as cores e o foco da iluminação da cabine para indicar qual pessoa está falando. O LQ também tem sistema de condução autônoma nível 4, que dispensa comandos do motorista e estaciona sozinho depois de deixar os ocupantes em determinado local. No design, chamam a atenção a enorme área envidraçada que atravessa todo o teto, a dianteira robusta e os faróis ocultos. Na traseira, rodas e pneus ficam escondidos pela carenagem.

show car Toyota carro elétrico
Foto: Divulgação Toyota

De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?
Quer uma navegação personalizada?
Cadastre-se aqui
0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login