Mobilidade para quê?

8 curiosidades sobre o metrô de Recife

Você sabia que o metrô da capital de Pernambuco é o terceiro maior do Brasil? Confira essa e outras informações sobre o sistema de transporte

3 minutos, 2 segundos de leitura

28/10/2021

Por: Redação Mobilidade

Metrô do Recife
O Metrorec passa por 37 estações e transporta cerca 400 mil passageiros por dia útil na região metropolitana do Recife. Foto: Creative Commons - Portal da copa/ME

Caminhar pelas ruas de Recife é um passeio agradável, mas cruzá-las usando metrô é muitas vezes necessário para chegar ao destino mais rápido. Principalmente para a população de quase 1,6 milhões da cidade. Vamos embarcar nas curiosidades sobre o metrô de Recife, o Metrorec? 

  1. Em março de 2021, o metrô de Recife completou 36 anos 

A circulação dos primeiros trens com passageiros começou em 1985. As obras de construção foram iniciadas alguns anos antes, em 1983.

  1.  O metrô de Recife é o terceiro maior do Brasil (em número de passageiros e estações) 

O Metrorec passa por 37 estações e transporta cerca 400 mil passageiros por dia útil na região metropolitana do Recife. Esse é o terceiro maior número do Brasil, atrás apenas de São Paulo e Rio de Janeiro respectivamente. 

Operado pela Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), o metrô de Recife atende a Região Metropolitana, que é a maior aglomeração urbana do Nordeste brasileiro e a quinta maior do País. Além da capital pernambucana, inclui mais 14 cidades do Grande Recife, totalizando 3,7 milhões de habitantes. 

  1. O metrô de Recife tem três linhas

Com 71 quilômetros de extensão, o metrô de Recife possui três linhas: Linha Centro (com 19 estações), Linha Sul (com 10 estações) e Linha Diesel (composto por 9 estações). A maior concentração de passageiros fica na Linha Centro, com 275 mil pessoas que passam pelas suas estações todos os dias. 

  1. Os trens da Linha Centro possuem dois destinos distintos

Quem olha o mapa do metrô de Recife se depara com uma bifurcação na Linha Centro. São os dois destinos diferentes para onde se encaminham os trens que partem da Estação Recife e passam pela mesma linha e estações. Quem está esperando o transporte em uma delas precisa ficar atento para pegar o certo: Centro 1 – Camaragibe ou Centro 2 – Jaboatão. Esse compartilhamento é resultado do traçado da antiga ferrovia onde o metrô foi construído. 

  1. As identificações das estações foram pensadas para quem não sabe ler 

Devido à significativa taxa de analfabetismo na região, as estações do metrô de Recife são identificadas de diferentes formas além da escrita. Enquanto os alto-falantes dentro dos trens anunciam as paradas, no mapa do sistema, cada uma delas é identificada por desenhos diferentes. O passageiro também sabe em qual estação está pelas cores características das paredes e plataformas. 

  1. Quando inaugurado, o metrô de Recife tinha um total de 25,2 quilômetros de extensão 

A expansão da rede foi feita entre 2005 e 2009, fazendo com que o sistema chegasse a 39,5 quilômetros. Depois, foram adicionados 31,5 quilômetros da Linha Diesel, totalizando os já mencionados 71 quilômetros de extensão.

  1. A distância média entre as estações é de 1,2km 

Os trens do metrô de Recife circulam a uma velocidade média de 40 Km/h, podendo chegar a 80 km/h, exceto na Linha Diesel, em que a distância média entre as estações é de 4Km e os trens circulam a 31,5 km/h. 

  1. A frota atual do Metrorec é de 40 trens e 9 VLTs

Ao contrário dos trens e metrôs, os veículos leves sobre trilhos (VLTs) são composições mais leves, geralmente menores e com capacidade para transportar menos passageiros, além de circularem a nível da terra. A substituição de trens tradicionais pelos VLTs no metrô de Recife aconteceu em 2013, sendo a última grande expansão/modernização do sistema até agora. 

De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?
Quer uma navegação personalizada?
Cadastre-se aqui
0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login