Voltar
Mobilidade para quê?

Estacionamentos autônomos: facilidade, conveniência, rapidez e segurança

Liberdade, conforto e segurança, o usuário tem a decisão da melhor alternativa

3 minutos, 7 segundos de leitura

20/04/2021

estacionamento autônomo
Foto: iStock

A junção de tecnologia, análise de dados e excelência operacional tem ajudado empresas de serviços e comércio a tornar suas operações mais ágeis e a aprimorar a experiência de seus clientes e consumidores. Imagine lojas sem caixas e sem filas, com funcionamento dependendo apenas do usuário. Já é assim em supermercados e lojas de conveniência nos Estados Unidos, na China e também no Brasil. Ao usar diversos sistemas e possibilidades, os clientes são reconhecidos, as compras realizadas são reconhecidas e a cobrança realizada sem necessidade de check out de pagamento.

Inovações e uso de dados

No setor de estacionamentos, não é diferente. Operações autônomas são realidade em muitos países e também no Brasil. Ao combinar uma série de inovações e uso de dados, que podem estar presentes nos carros, em aplicativos e no próprio espaço físico, a jornada do usuário passa a ser totalmente automatizada, o que torna a experiência de estacionar mais fluida e rápida.

O estacionamento autônomo deve ser adaptado às necessidades de cada operação, o que inclui a combinação de tecnologias distintas para cada local, inclusive para controle de portas e portões de acesso, iluminação, som ambiente, entre outros. Algumas dessas tecnologias incluem os equipamentos de controle de acesso, de informação de vagas disponíveis e orientação do fluxo de veículos, de monitoramento e operação remota, tecnologias de reconhecimento de placas de veículos, preços diferenciados de acordo com o local em que o carro foi estacionado, reserva online de vagas e plataformas e meios de pagamentos. Tudo com muita segurança e conforto.

Melhor experiência na hora de estacionar

Imagine que você acessa a plataforma de reserva online, em poucos cliques seleciona o período de estadia, o lugar onde prefere estacionar, com tarifas diferenciadas dentre os diversos setores disponíveis, e paga como desejar, nas múltiplas opções disponíveis. Como parte da jornada de compra, o motorista insere a placa do carro. Ao acessar o estacionamento, a tecnologia LPR reconhece o veículo, associa-o à transação e a cancela é aberta sem que haja necessidade de retirada de tíquete. Uma vez que o pagamento já foi efetuado, a saída do estacionamento também é automática.

Outra funcionalidade é a de tecnologia de segmentação por câmeras, solução inédita no Brasil. Por meio dela, é possível realizar a setorização de áreas de vagas através de reconhecimento de placa e integração com sistemas de meio de pagamento. Esse tipo de solução permite que o usuário escolha a vaga mais conveniente e pague de acordo com a localização e/ou serviços adicionais associados ao local onde o veículo estiver estacionado – por exemplo, recarga de veículos elétricos. Tudo isso sem a necessidade de infraestrutura com cancelas e sem a intervenção física nas áreas. Liberdade, conforto e segurança, o usuário tem a decisão da melhor alternativa. Tudo isso em áreas monitoradas e controladas durante todo o tempo, com suporte integral por meio de acesso remoto de uma central, que funciona 24 horas por dia, sete dias por semana. 

O modelo traz melhorias a toda a cadeia. Aos gestores dos estacionamentos, além do diferencial competitivo e da fidelização dos usuários, permite uma operação mais controlada e rentável. Aos motoristas, uma experiência mais agradável e com muito mais conveniência. À cidade, pode significar a redução de tempo no trânsito e nos congestionamentos, indicando de forma assertiva um estacionamento com vaga disponível.”

Esse texto não reflete, necessariamente, a opinião do Estadão

De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?
Quer uma navegação personalizada?
Cadastre-se aqui
0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login