Voltar
Mobilidade para quê?

Linha 4-Amarela de metrô oferece área de convivência para as pessoas aproveitarem mais a cidade

O acesso à estação Paulista ganhou espaço público com serviço de internet gratuito

10/03/2020 - 2 minutos, 29 segundos


espaco-de-convivencia-da-linha-4-amarela-do-metro
O espaço de convivência foi inaugurado no final do ano passado. Foto: Diego Padgurschi.

Quem entra na estação Paulista da Linha 4-Amarela de metrô pela Avenida da Consolação, em São Paulo, se depara com uma boa surpresa: um agradável espaço de convivência, aberto ao público. A área, inaugurada no final do ano passado, serve tanto para descanso quanto para trabalho ou ponto de encontro. A infraestrutura inclui mesas, bancos, redes de descanso, uma pequena arquibancada, além de uma fartura de tomadas, projeto paisagístico e conexão wi-fi gratuita.

Outros espaços semelhantes foram instalados também no interior da estação, nos pisos intermediários I e II – nesses casos, o acesso é restrito a quem já passou pelos bloqueios. “Foi uma ótima ideia”, diz, com entusiasmo, a estudante de engenharia química Keiciele Ribeiro, frequentadora assídua do espaço desde os primeiros dias. “O ambiente é seguro, confortável e muito prático para mim, porque a faculdade fica perto. Dá para estudar, marcar encontros, relaxar.”

Keiciele aproveita a estrutura para estudar e relaxar antes das aulas. Foto: Diego Padgurschi.

Conheça histórias de achados e perdidos no Metrô de São Paulo.

Conforto e segurança

A proposta é privilegiar o uso compartilhado da cidade, ao mesmo tempo em que representa um serviço a mais oferecido aos passageiros. “É uma iniciativa que agrega valor à viagem dos clientes”, observa o gestor de Atendimento da ViaQuatro, Hamilton Trindade. “O espaço traz o conceito de que estação não é somente um local de passagem; também pode proporcionar outras experiências.”


Trata-se de um projeto viabilizado em conjunto pela ViaQuatro, concessionária que opera a Linha 4-Amarela; a startup de design ModecX, que concebeu e projetou o espaço; e a Quicko, startup de mobilidade, que oferece conexão com a internet. O ambiente é patrocinado pelo Grupo CCR, uma das acionistas da ViaQuatro.

Conceito novo

“O que estamos fazendo nesta parceira é o chamado brand urbanism, um processo de transformação da cidade com alto impacto na vida das pessoas. Não se trata apenas de oferecer mais conforto, serviços e design no dia a dia, mas de abrir novas possibilidades”, diz o CEO da ModecX, Erick Machado. “Se você ficar meia hora nos espaços, verá turmas de alunos se reunindo para estudar, pessoas trabalhando ou se preparando para uma entrevista de emprego, casais namorando, idosos passando o tempo e até crianças brincando”, descreve.

Foi isso que a reportagem encontrou quando esteve no espaço. Enquanto aguardava um amigo, a enfermeira Bruna Nogueira contou que ainda não conhecia a área de convivência. “Fantástica. Iniciativas assim merecem ser replicadas. É importante a cidade ter lugares seguros, confortáveis e que também ofereçam serviços.”

Bruna conheceu a novidade enquanto esperava um amigo. Foto: Diego Padgurschi.

Os espaços de convivência ficam abertos no mesmo período de funcionamento da Linha 4-Amarela: de domingo a sexta, das 4h40 à meia-noite, e aos sábados, das 4h40 até 1h da manhã.

De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?
Quer uma navegação personalizada?
Cadastre-se aqui
0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login