Voltar
Inovação

Segundo lote do elétrico Bolt chega em fevereiro

Após venda das primeiras 50 unidades, elétrico da GM terá novo lote vendido em concessionárias de 12 cidades

José Leme

11/02/2020 - 1 minuto, 24 segundos


A Chevrolet está importando um segundo lote do elétrico Bolt para o Brasil. A nova leva chega às lojas a partir de fevereiro após a venda das 50 unidades da pré-venda. Os primeiros Bolt a chegar foram oferecidos R$ 175 mil. Agora a Chevrolet não confirma o preço e nem a quantidade do novo lote. Isso deve significar um aumento na tabela.

Leia mais:
Da mobilidade urbana à mobilidade humana
Coronavírus ameaça impulso dos veículos elétricos
Como a pandemia afeta o desenvolvimento de carros elétricos?

O modelo será oferecido em 26 concessionárias credenciadas. Elas estão em 12 cidades: São Paulo, Campinas, São José dos Campos (SP), Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Porto Alegre, Florianópolis, Joinville (SC), Recife e Vitória.

O Bolt vem apenas na versão Premier, de topo, já equipado com o pacote de baterias mais eficiente que, segundo a GM, proporciona uma autonomia de 416 km com uma carga completa no ciclo americano de medição, o EPA.

Seu motor elétrico, no eixo dianteiro, rende o equivalente a 203 cv e 36,7 mkgf. Com esse conjunto é possível acelerar de 0 a 100 km/h em cerca de 7 segundos, de acordo com a GM. Como todo elétrico ele tem apenas uma marcha.

Bolt: itens de série

De série, o Bolt oferece 10 air bags, assistente de permanência em faixa e alerta de ponto cego e de tráfego traseiro cruzado. Há ainda alerta de colisão frontal e frenagem autônoma de emergência com detecção de pedestres.

O elétrico traz ainda sistema de câmeras 360º, que utiliza imagens para criar uma visão superior do carro para auxiliar manobras. Outros itens são o som Bose, sistema MyLink com integração a Apple CarPlay e Android Auto, entre outros.


De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?
Quer uma navegação personalizada?
Cadastre-se aqui
0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login