Buscando sugestões para:


Inovação

Com aporte de R$ 15 milhões, E-moving quer alugar 2 mil bicicletas elétricas para empresas

A startup de assinaturas mensais de bicicletas elétricas recebeu investimento da Bertha Capital, gestora de Corporate Venture Capital (CVC) da Multilaser

1 minuto, 43 segundos de leitura

02/04/2022

Por: Redação Mobilidade

bicicletas elétricas e-moving
O investimento da Multilaser chega em momento em que a E-moving está mirando no público corporativo. Foto: Divulgação

Em 2022, a E-moving pretende reforçar os times de vendas e marketing, além de desenvolver uma nova versão de sua bicicleta, em colaboração com a Multilaser. Com o aporte de R$ 15 milhões recebido, proveniente de um fundo lançado em fevereiro pelas empresas para apoiar o ecossistema brasileiro de inovação, o plano é chegar a 2 mil bicicletas elétricas alugadas, com perspectivas de triplicar esse número no ano seguinte. 

O investimento da Multilaser chega em momento em que a E-moving está mirando no público corporativo e passando a oferecer o aluguel de bikes exclusivamente para as empresas. Hoje, a E-moving conta com 700 bicicletas alugadas e atende clientes como Microsoft, Empiricus, Daki e Wickbold. 

Em entrevista ao Mobilidade em janeiro, sobre o futuro da mobilidade no trabalho, Gabriel Arcon, CEO da E-moving, viu esse movimento se dá de várias maneiras, normalmente com mudanças em políticas de recursos humanos feitas com a participação dos colaboradores.

 “Tivemos um boom de empresas de diversos segmentos nos procurando e passando a oferecer as bicicletas elétricas para seus funcionários”, diz.

Segundo Arcon, essa busca tem se dado em duas frentes: companhias oferecendo bicicletas elétricas como benefício de mobilidade urbana para o deslocamento de casa ao trabalho e outros compromissos, inclusive os pessoais, e, por último, a bicicleta como ferramenta de trabalho. 

“Para quem trabalha na rua, seja fazendo entregas, seja visitando pontos de venda ou a casa dos clientes, empresas estão trocando carros, motos ou até mesmo o transporte público por uma bike elétrica por assinatura. Essa medida reduz muito o tempo de deslocamento, tem emissão zero de CO2 e proporciona mais qualidade de vida para os colaboradores”, conta Arcon.

A E-Moving foi eleita a melhor marca de micromobilidade elétrica no Prêmio Mobilidade Estadão 2022, que reconhece iniciativas inovadoras em mobilidade. “Com a retomada da ‘vida normal’, impulsionada pelo desejo de uma maior qualidade de vida e responsabilidade ambiental, acreditamos que 2022 vai ser o melhor da nossa história”, diz Arcon.

De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?
Quer uma navegação personalizada?
Cadastre-se aqui
0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login