Buscando sugestões para:


Meios de transporte

Mountain bike: saiba tudo sobre essa modalidade

Entenda por que o ciclismo de montanha faz tanto sucesso entre os apaixonados por aventura

2 minutos, 34 segundos de leitura

31/12/2021

Por: Redação Mobilidade

mountain bike
O ciclista deve superar uma série de desafios: subidas íngremes, rochas, curvas intensas e subidas que dão um frio na barriga. Foto: Getty Images

Não é de hoje que o mountain bike vem conquistando um público ávido por aventuras. Chamada por uns de ciclismo de montanha e, por outros, apenas de “MTB”, essa modalidade leva o usuário a desbravar terrenos nada convencionais. Tudo isso, é claro, pedalando uma bike! 

Nessa prática, o ciclista deve superar uma série de desafios: subidas íngremes, rochas, curvas intensas e subidas que dão um frio na barriga. Mas, acredite: os seus praticantes adoram essa sensação. 

Aliás, o mountain bike vem conquistando o seu espaço no Brasil. Assim, nada mais justo do que conhecer a fundo a sua história, características e, inclusive, graus de dificuldade. Acompanhe o texto para saber mais!

A origem do mountain bike 

Os primeiros sinais do mountain bike foram vistos em países como os Estados Unidos e a França — em locais onde os ciclistas sempre gostaram de se aventurar em caminhos nada convencionais. 

Entretanto, as grandes experiências com essa modalidade aconteceram, de fato, nos anos 1970, mais precisamente na Califórnia. Lá, a prática ganhou vida graças a um grupo de amigos: Joe Breeze, Gary Fisher, Charlie Kelly, Charlie Cunningham e Eric Kosh. Juntos, os jovens tinham o desejo de viver novas aventuras e, a partir daí, resolveram realizar trilhas desafiadoras nas montanhas. Obviamente, utilizando apenas uma bicicleta. 

O tempo passou e, no meio dos anos 1990, o mountain bike foi reconhecido e até estreou nos Jogos Olímpicos de Atlanta (EUA), em 1996. De lá para cá, muitas pessoas começaram a se interessar pela modalidade — que, hoje, já conta com diferentes manobras e inovações. 

As modalidades do mountain bike

Falando em modalidades, o mountain bike conta com diferentes técnicas e categorias. A ideia é tornar a prática mais elaborada e extrair ao máximo o potencial dos ciclistas — seja na montanha ou, simplesmente, em uma região coberta pela neve. Conheça as três principais.

Cross country 

Chamada de XC, essa categoria pode ser realizada com bicicletas de passeio ou de competição. Seja como for, a regra é que o ciclista pedale rapidamente, tanto em distâncias longas, quanto nas menores. Estamos falando de uma modalidade que exige muito conhecimento técnico e, claro, esforço físico do praticante. 

Maratona 

Consiste em uma extensão do clássico cross country. No entanto, conta com percursos bem mais longos, como acontece na prova Brasil Ride — uma supermaratona, em que os atletas pedalam centenas de quilômetros durante diversos dias. 

Downhill 

Modalidade com foco em percorrer um caminho composto por descidas. É importante que o ciclista realize o percurso em alta velocidade e, mesmo assim, consiga driblar variados obstáculos. Por essas e outras, é necessário que o atleta tenha não apenas entendimento técnico, mas sim atenção e destreza para fazer bons saltos e desviar de barreiras.

Gostou de conhecer tudo sobre o mountain bike? Deixe o seu like e compartilhe o post nas redes sociais para que mais pessoas se aprofundem no esporte!

De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?
Quer uma navegação personalizada?
Cadastre-se aqui
0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login