Buscando sugestões para:


Logo
Patrocínio
Resolver

Como proteger o carro da maresia?

Quem vai ao litoral com frequência precisa ter atenção redobrada com a pintura

2 minutos, 21 segundos de leitura

08/06/2022

carro com maresia
Foto: Getty Images

A maresia, aerossol formado pela nebulização da água salgada do mar e “espalhado” pelo vento, é um dos principais inimigos da pintura e da lataria do carro. Por conta dessas gotículas, o ambiente praiano se torna especialmente prejudicial aos objetos metálicos, incluindo, obviamente, os automóveis. Mas alguns cuidados do proprietário podem evitar danos. 

Para quem só visita cidades litorâneas esporadicamente, a recomendação é providenciar a lavagem completa do veículo assim que retornar da viagem, incluindo a parte inferior. Deve-se descartar o uso de produtos químicos que possam danificar as partes de borracha. Isso evita que eventuais depósitos corroam a lataria ou danifiquem a pintura do carro. 

Contudo, o que deve fazer quem mora na praia ou visita o litoral frequentemente? Ricardo Vettorazzi, gerente técnico do laboratório de Repintura Automotiva da fabricante de tintas PPG, responde:

“O problema provocado pelas intempéries atinge o grau máximo nas cidades litorâneas, por conta da maresia, além daqueles presentes em outros locais, como sol e calor em excesso, chuva etc.”, diz o especialista. Por conta disso, a recomendação principal é manter a carroceria do veículo sempre limpa.

“Providenciar a cristalização ou a vitrificação ajuda muito, sendo que o segundo processo protege por um tempo maior”, acrescenta Vettorazzi.  As duas conferem um tipo de película sobre a pintura que dificulta a aderência de partículas de sujeira, sal e até água sobre a carroceria do automóvel. 

Mesmo assim, é preciso manter cuidado, já que a vida útil dessas aplicações vai depender de quanto o veículo é exposto a situações adversas. Além disso, os processos custam caro e não são acessíveis a todo mundo.  

Limpeza é fundamental para proteger o carro da maresia

O custo elevado, porém, não significa que aqueles que não podem – ou que não têm condições  – providenciar cristalização ou vitrificação da pintura devam se resignar com os problemas provocados pela maresia

“Manter o carro limpo é fundamental”, afirma Ricardo Vettorazzi, sempre observando os cuidados na hora de lavar o automóvel. “O proprietário também pode recorrer ao enceramento, que é bem mais barato e pode ser feito em casa”, lembra. A desvantagem é que a aplicação de cera dura bem menos tempo. “É uma escolha que o proprietário precisa fazer.”

Guardar o automóvel em local fechado é outra recomendação importante, e, mesmo assim, Ricardo Vettorazzi aconselha utilizar capa protetora, já que o sal da maresia é capaz de penetrar mesmo em garagens. Nesse caso, o modelo pode ser mais simples, já que não é preciso proteger o carro de chuva e sol. Antes, confira se a carroceria está limpa e totalmente seca.

De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?
Quer uma navegação personalizada?
Cadastre-se aqui
0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login

Espaço do patrocinador

Com Você. Sempre.

Conheça mais de nossos produtos.

VER AGORA