Buscando sugestões para:


Patrocinio Dunlop Patrocinio Dunlop
Mobilidade para quê?

Nova Honda ADV 160: scooter aventureira ganha motor maior e controle de tração

Apresentado na Indonésia, modelo surge como evolução da ADV 150 vendida no Brasil; veja tudo que mudou

2 minutos, 57 segundos de leitura

06/07/2022

Por: Arthur Caldeira

Novo motor de 160 cc é o mesmo utilizado na PCX 160, já lançada no esterior; monocilíndrico produz 15,8 cv de potência. Fotos: Divulgação/Honda

Na esteira do sucesso de sua pequena scooter aventureira de 150 cc, a Honda apresentou no início de julho a nova ADV 160. A principal novidade do modelo é o motor de maior capacidade e mais potente, além de mais tecnologia, como controle de tração de série e um painel mais completo e moderno.

Por enquanto, a nova Honda ADV 160 foi lançada na Indonésia, mas provavelmente deve chegar a outros mercados asiáticos e, quem sabe, até mesmo ao Brasil. A subsidiária da marca no País, porém, não tem previsão de quando a nova ADV deve desembarcar por aqui.

Esteticamente, a nova Honda ADV não traz muitas mudanças, somente alguns vincos a mais na carenagem, além de cores foscas e grafismos mais sóbrios. Farol, piscas e lanterna ainda são de LED.

Nova ADV tem motor de 160 cc e 15,8 cv de potência

A alteração mais significativa está mesmo no motor, que passa a ter 159,6 cm³ de capacidade e quatro válvulas (contra os 149,3 cm³ e duas válvulas na ADV 150). O propulsor é o mesmo que equipa a nova PCX 160, apresentada em 2020 no Japão e que deve chegar ao Brasil em 2023.

Com maior capacidade e quatro válvulas, o monocilíndrico produz 15,8 cv de potência máxima a 8.500 rpm e 1,5 kgf.m de torque a 6.500 giros na ADV 160. Como comparação, a versão de 150 cc, vendida no Brasil, oferece 13,2 cv e 1,4 kgf.m. O câmbio, como na maioria das scooters, é do tipo CVT, ou seja, automático.

Visualmente, nova Honda ADV 160 traz carenagens com mais vincos e novas cores e grafismos

Além do mesmo motor da nova PCX, a ADV 160 ganhou também controle de tração. O sistema limita eletronicamente a aceleração e evita derrapagens em pisos escorregadios. Mais um item de segurança para os motociclistas, além do sistema de freios ABS – na Indonésia, a nova ADV 160 também terá uma versão com freios CBS.

OFERTAS 0KM

O painel também ficou mais moderno: agora traz uma tela de LCD com fundo azul e mais informações. Diferentemente da atual ADV 150, que conta com as luzes espia e de advertência próximas ao guidão, o novo modelo traz as luzes na mesma tela do painel principal.

Mais espaço sob o banco

As rodas e suspensões também não mudaram. A nova ADV 160 tem roda aro 14 e garfo telescópico, na dianteira, e roda de 13 polegadas com dois amortecedores a gás, na traseira. O chassi, entretanto, deve ter sido alterado, como na PCX.

Com a mudança estrutural, a ADV 160 ganhou mais espaço sob o banco e agora oferece 30 litros de capacidade. O tanque também ficou um pouco maior e agora comporta 8,1 litros de gasolina.

Mercado

Um dos maiores mercados de scooters do mundo, a ADV 160 será vendida em duas versões na Indonésia: uma com freios combinados (CBS), por 36 milhões de rúpias indonésias, cerca de R$ 13 mil; a versão top de linha com freio ABS, custa 39.250 milhões de rúpias, algo em torno de R$ 14 mil.

A Honda ADV 150, vendida em nosso mercado, só é comercializada na versão com ABS na roda dianteira. O preço sugerido (sem frete e seguro) é de R$ 20.190. Embora ainda não haja previsão de quando a ADV 160 vem ao Brasil, podemos esperar que a nova geração da pequena scooter aventureira desembarque por aqui somente em 2023 ou 2024.

De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?
Quer uma navegação personalizada?
Cadastre-se aqui
0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login