Conteúdo original Jornal do Carro

Meios de transporte

Nova Honda Africa Twin chega em julho com quase 100 cv; conheça

Com preços a partir de R$ 70.490, moto aventureira traz motor maior de 1.100 cc e 99,3 cv, câmbio de dupla embreagem e quatro modos de condução

4 minutos, 41 segundos de leitura

16/05/2021

Por: Emily Nery

Modelo ganhou mais tecnologia, mas manteve sua vocação para o fora-de-estrada. Fotos: Divulgação/Honda

Revelada no exterior em 2019, a nova Honda Africa Twin finalmente chega ao Brasil a partir de R$ 70.490. Disponível em duas versões, a segunda geração da bigtrail muda a nomenclatura para CRF 1100L por causa do motor maior, que é mais potente e gera mais torque em baixas e altas rotações.

Completamente nova desde o chassi, a motocicleta importada do Japão estreia no Brasil com nomes longos. A primeira se trata da CRF 1100L Africa Twin e a segunda, com apelo esportivo, chama-se CRF 1100L Africa Twin Aventure Sports ES (que já testamos na Itália).

Honda CRF 1100 Africa Twin
Motor bicilíndrico passou de 998 cm³ para 1.084 cm³

Novo motor

O propulsor bicilíndrico cresceu de 998 cm³ para 1.084 cm³, e, por isso, a nomenclatura passou de CRF 1000L para CRF 1100L. Como consequência, a potência subiu de 88,9 cv para 99,3 cv. E o torque aumentou de 9,5 mkgf para 10,5 mkgf a 6.000 rpm, com melhorias em baixas e médias rotações.

Atrelado ao novo motor há dois tipos de transmissão. A primeira se trata do câmbio convencional que foi atualizado e está 2,5 kg mais leve. Já o segundo câmbio é um automatizado de dupla embreagem (DCT).

Honda CRF 1100 Africa Twin
Nova Africa Twin chega em duas versões e com a opção do câmbio DCT

Por sua vez, as duas versões da CRF 1100L possuem tanque de combustível de 18,8 litros. Mas quem optar por um tanque um pouco maior, deverá escolher entre a CRF 1100L Adventure Sports ES ou a CRF 1100L Adventure Sports ES DCT, cujos reservatórios comportam até 24,8 litros.

Em média, a bigtrail está cerca de 10 kg mais leve, graças às alterações nos materiais do motor, na suspensão e também a atualização no chassi de aço, que agora leva um subchassi de alumínio acoplado a ele.

Honda CRF 1100 Africa Twin Adventure Sports ES
Honda CRF 1100 L Adventure Sport ES tem tanque para 24,8 litros

Visual

Ambas passaram por uma grande repaginada no visual. A Honda afirma que o visual herdou muito da moto bicampeã do rali Dakar, a CRF 450 Rally.

Assim, receberam luzes diurnas, conjunto ótico completo em LED, bem como destaques visuais que reforçam sua personalidade. A linha também está mais fina e levemente vertical. O guidão está 2,2 cm mais alto, o banco foi redesenhado e é 4 cm mais estreito, e a altura em relação ao solo é ajustável em 850 mm ou 870 mm.

Africa Twin agora têm aros de iluminação diurna em LEDs

De acordo com a versão escolhida, as novas rodas de alumínio de 21 e 18 polegadas trazem novas bandas de rodagem e novo desenho.

O para-brisa da versão de entrada é fixo e baixo, mas na versão Adventure Sport ES o componente oferece regulagem em cinco posições.

OFERTAS 0KM

O quadro de instrumentos TFT é sensível ao toque, mesmo com o uso de luvas, e tem 6,5 polegadas. O display oferece conexão com Apple CarPlay e Android Auto via Bluetooth ou cabo USB, e permite escolher um entre quatro modos de condução.

Novo painel tem tela de TFT sensível ao toque, além de Car Play e Android Auto

Ajustes eletrônicos

O sistema eletrônico da nova Africa Twin dispõe de programa com quatro modos de condução. São eles: Urban, Tour, Gravel e Off-Road. A depender da escolha do proprietário, os ajustes podem alterar o controle de tração da moto, as respostas do acelerador, a atuação dos freios ABS, bem como a função antiwheeling, que evita que a moto empine em acelerações mais fortes.

Além disso, a Honda fornece a criação de dois perfis distintos para personalizar os modos de condução. Eles podem ser configurados diretamente no display do quadro de instrumentos.

Tecnologias e segurança

O “cérebro” por trás dessas configurações, na verdade, fica no centro da moto e chama-se IMU (Unidade de Medição Inercial). O dispositivo lê parâmetros relativos à altura, inclinação em curva, velocidade das rodas, abertura do acelerador e rotação do motor. Além disso, consegue identificar características do percurso, como aclives, declives e curvas.

Dessa forma, o IMU permite a mudança de comportamento da moto conforme o modo de condução. O sistema consegue ainda gerenciar todas as tecnologias de segurança e assistência ao piloto, tais como os freios ABS traseiros, a função antiwheeling, controle de tração, controle de velocidade, rear lift control (limita o levantamento da roda traseira em frenagem), por exemplo.

Africa Twin Adventure Sports ES traz suspensões eletrônicas

Africa Twin Adventure Sports ES

Além das mudanças estéticas em relação à Africa Twin regular, a mais off-road adota suspensões de controle eletrônico Showa EERATM — por isso a sigla “ES”. Como resultado, o conjunto fornece maior conforto em baixas velocidades e estabilidade em velocidades elevadas. Para fechar o pacote de exclusividades, os pneus desta configuração não tem câmara de ar.

Preços

A nova Honda Africa Twin estará em pré-venda a partir de 17 de maio, e os valores partem de R$ 70.490. A previsão, portanto, é de que as versões com câmbio convencional cheguem até julho. Em agosto, as configurações com câmbio de dupla embreagem devem estar nas concessionárias. Veja os preços abaixo:

Câmbio regular

  • CRF 1100L Africa Twin (preto fosco ou vermelho): R$ 70.490
  • CRF 1100L Africa Twin Adventure Sports ES (branca): R$ 90.490

Câmbio automatizado de dupla embreagem

  • CRF 1100L Africa Twin DCT (vermelho): R$ 76.804
  • CRF 1100L Africa Twin Adventure Sports ES DCT (branca): R$ 96.626

De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?
Quer uma navegação personalizada?
Cadastre-se aqui
0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login