Buscando sugestões para:


Meios de transporte

5 itens para checar e economizar combustível na sua moto  

Confira dicas para deixar sua moto em ordem e reduzir o consumo

3 minutos, 14 segundos de leitura

11/05/2022

Por: Arthur Caldeira

Além de abastecer com combustível de qualidade, deixar sua moto em ordem faz com que ela "beba" menos. Foto: Infomoto

Desde o início do ano, a gasolina já aumentou 9%, fechando abril com preço médio de R$ 7,50, por litro, segundo dados da Ticket Log, unidade de negócios de frota e mobilidade da Edenred Brasil.

Embora sejam mais econômicas que um carro, pois uma moto ou scooter roda, em média, 40 km/litro de gasolina, até mesmo os motociclistas estão sentindo no bolso a alta no preço dos combustíveis.

Além de pilotar de forma mais racional, ou seja, sem acelerar e frear bruscamente, eles podem ter mais cuidado com a manutenção de seus veículos para economizar combustível.

Confira como fazer a manutenção da sua moto para que ela “beba” menos.

1 – Pressão dos pneus

Além de comprometer a segurança, já que pneus murchos prejudicam a eficiência dos freios e dificultam contornar curvas, com pressão baixa, eles fazem sua moto gastar mais gasolina.

Isso acontece porque o pneu murcho tem uma maior área de atrito com o solo. “Quando isso acontece, é necessário acelerar mais para atingir determinada velocidade. Com isso, a moto ‘bebe’ mais”, explica Eduardo Zampieri, piloto de testes de pneus de moto da Pirelli. O ideal é calibrá-los semanalmente e seguir a pressão indicada no manual do proprietário da moto.

2 – Óleo correto

Outro fator que contribui é o uso do lubrificante correto, de acordo com as especificações recomendadas pelo fabricante, adverte Rafael Recio, gerente técnico da Motul Brasil, fabricante de lubrificantes.

“O motor fará menos força e, consequentemente, consumirá menos combustível. Esse cuidado assegura o desempenho do motor, mantém em dia a lubrificação e reduz o desgaste das peças, além de gerar economia para o motociclista em relação à manutenção e ao consumo de combustível”, complementa Recio.

OFERTAS 0KM

3 – De olho nas velas

Fundamental para o funcionamento dos motores de combustão interna, as velas de ignição também merecem atenção especial. Dificuldade na partida, falhas na aceleração e consequente aumento no consumo de combustível podem ser sinais de vela desgastada que precisa ser trocada.

“O ideal é substituí-la dentro do prazo recomendado pelo fabricante. Também troque por uma vela com as mesmas especificações das originais”, explica Hiromori Mori, consultor de assistência técnica da NGK Brasil, fabricante de velas e cachimbos.

4 – Filtro de ar

Responsável por filtrar as impurezas do ambiente externo, está diretamente relacionado à saúde do motor e pode influenciar no consumo do combustível, alerta a Tecfil, fabricante de filtros automotivos.

Quando está saturado e perde sua capacidade filtrante, os principais sintomas que a moto apresenta são consumo excessivo de combustível, aquecimento do motor e perda de desempenho.

“Caso perceba um desses sintomas ou vários deles, é importante levar o veículo a uma revisão”, aconselha Plínio Fazol, gerente de marketing e novos produtos da Tecfil. Contudo, o especialista orienta que o motociclista siga as recomendações do manual em relação ao intervalo de troca do filtro de ar, mesmo que não esteja desgastado.

5 – Combustível de qualidade

Para evitar gasolina de procedência duvidosa, o ideal é evitar postos desconhecidos e preços baixos. Se o valor médio da gasolina é de R$ 7,50, desconfie de preços muito inferiores. A má qualidade do combustível pode prejudicar o desempenho e o consumo da moto. O ideal é escolher postos de confiança e controlar o consumo depois de cada abastecimento.

Para saber quantos km/litro a sua moto roda, encha o tanque e zere o hodômetro parcial. No próximo abastecimento, complete novamente e veja quantos litros foram colocados. Depois, é só dividir quantos quilômetros sua moto rodou pelos litros de gasolina. Dessa forma, se houver alteração muito grande no consumo, desconfie da qualidade do combustível ou mude sua forma de pilotar. 

De 1 a 5, quanto esse artigo foi útil para você?
Quer uma navegação personalizada?
Cadastre-se aqui
0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.
Faça o login